Todos os Direitos Resevados à Lu Cavichioli

Creative Commons License Todos os trabalhos aqui expostos são de autoria única e exclusiva de Lu Cavichioli e estão licenciadas por Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 3.0 Unported License. Não comercialize os trabalhos e nem modifique os conteúdos Se quiser reproduzir coloque os devidos créditos

domingo, 8 de dezembro de 2013

Ao Mestre com Carinho

Querido Pai,

Hoje Deus te deu a graça de completar mais um ano de vida que ao todo somam 85. Agradeço a Ele todos os dias por ter nascido de você e tudo que sou hoje como ser humano em aprendizado com a vida e seus percalços, aprendi contigo.





Teu exemplo de vida foi sempre o farol que me conduziu a estradas outras, enquanto eu descortinava novos horizontes.
Teu caráter e dignidade refletem em mim todos os dias e a lembrança dos teus conselhos (sábios), eu guardo até hoje e os passei pra minha filha.

Todas as palavras seriam ínfimas para designar tua pessoa, então eu só posso mesmo te agradecer, primeiro por ser tua filha, depois pela educação e cultura que me proporcionou e por conseguinte o caminho do bem, na trilha do meu aprendizado.

Peço a Deus que conserve tua saúde, teu sorriso sincero que vem sempre com esse abraço de gigante que abrigou-me desde sempre.
Obrigada por me ensinar a ser generosa com as pessoas, esse é um dos tesouros que você depositou na arca do meu coração.

Felicidades meu pai, meu mestre!

Te amo infinitamente

sua filha

Lucia Helena


12 comentários:

  1. Que linda carta para o seu Pai, Lu
    Deixo os meus parabéns para ele
    Que Deus o abençoe ricamente
    Beijinhos de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada querida Verena, eu papai agradecemos!

      grande beijo pra vc e bichinhos
      bom domingo com paz
      bjs Lu

      Excluir

      Excluir
  2. Puxa, Lu, que maravilha ter o pai como mestre, como guia nesta vida…
    Você é uma mulher de sorte!
    Muitas felicidades para ele e para você também.
    Bjs querida e uma linda semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cristiane, obrigada por teu comentário tão feliz!
      Sim, graças a Deus tive muita sorte por ter essa pessoa tão linda e de grande coração a meu lado.

      grande beijo e tenha um lindo domingo.

      Excluir
  3. Que coisa mais linda, essa homenagem ao seu pai/mestre, Lu!

    Abração
    Jan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jan, agradeço tua presença minha querida!
      Beijos

      Excluir
  4. Boa tarde Lu.. que delicia isso né.. 85 anos e firme e forte..minha nona foi-se com 88 e ainda sã.. eles são tudo de bom e temos que aproveitar sempre.. são muitos ensinamentos não é.. e teve churrasco por ai?
    espero que sim beijos amiga querida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Samuca, sim , completar 85 anos é vitória! Tadinho, ele tá agora meio lento mesmo, mas a idade faz essas coisas. Fico feliz que a mente dele é bem lúcida, graças a Deus.
      Teu nono com 88 e o meu com 89 CARACA! Será que a gente chegá lá? Tomara!!

      rsrs... Não teve churrasco naum, teve um almoço bem legal e descontraído.
      Obrigada querido amigo por compartilhar.
      beijão

      Excluir
  5. Lu:
    Que coisa boa ter o seu pai ainda vivo e lúcido.
    Que Deus conserve ele ao seu lado, pois ainda deve ter muitas outras lições pra te ensinar.
    Bjs.:
    Sil

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sil, com certeza miga!
      É bem verdade, eu aprendo com ele (ainda), a cada dia, amém!

      obrigada por sua visita que eu adooooro!
      bjão
      Lu C.

      Excluir
  6. Lu
    Que linda homenagem para o seu pai. E Lindo exemplo ele te deu. O meu foi aos 94 anos e cheio de vida ainda , com uma lucidez fora do comum. O jeito Zen de meu pai apesar de pouca conversa, estava sempre por dentro de tudo, pois diariamente lia o Jornal Japonês "São Paulo Shimbum" que ele mesmo fazia questão de ir comprar nas bancas.
    Aproveite cada dia precioso com o seu pai.Uma grande dádiva poder ter um pai bem próximo.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Elisa minha querida, que saudade!
      Como é bom a gente ter esse colo mesmo depois de adulta né? Poxa teu pai devia mesmo ser bem tranquilo, coisa boa.

      Obrigada pelo carinho e o compartilhar.
      bjs da Lu

      Excluir

Bem vindo ao Escritos na Memória

Deixe seu comentário, eu gostaria imensamente saber tua opinião

Obrigada